© ersinkisacik // © ersinkisacik

Os tablets servem perfeitamente como reprodutores de música, principalmente o PlayBook, que oferece ótima qualidade de som mesmo sem fones de ouvido. E é muito fácil transferir nossos álbuns e arquivos de MP3 para a memória interna dele.

Para começar, temos que instalar a suite BlackBerry Desktop Software, que servirá para enviar as músicas para o tablet e para sincronizar os álbuns que já tivermos no nosso disco rígido do computador.

Depois de uns minutos que a suite leva para recompilar os arquivos de som do nosso PC, podemos escolher os álbuns que queremos enviar ao PlayBook.

Depois de fazer a transferência, basta dar um toque no ícone de música do nosso tablet para abrir a lista de álbuns transferida.

Se tivermos feito tudo direitinho, aparecerão os discos com as suas respectivas capas. Mas, se isso não acontecer, podemos escanear as capas dos nossos discos originais e colocar a imagem dentro da pasta de cada álbum no nosso PlayBook. Outra opção é baixar as imagens da internet para ter toda a nossa biblioteca de música bem constituída.

Automaticamente o tablet organiza os álbuns por gênero, títulos e nome de artista.

Quando tivermos muitos álbuns, poderemos deslizar o teclado virtual do canto esquerdo inferior, e fazer uma busca com o critério que desejarmos para encontrar uma música em específico ou montar uma playlist, por exemplo, do mesmo gênero ou autor.

Também é preciso lembrar que o PlayBook quase não tem botões físicos, mas, entre os poucos que tem, três deles são multimídia, por meio dos quais podemos controlar a música sem ter que usar a tela do tablet. São eles: os controles de volume, + e -, e o de play/pausa, que é o mesmo para as duas funções.

Na hora de curtir uma boa lista de músicas, o PlayBook responde bem. As caixas de som funcionam na potência ideal, sem distorções e com bom volume, permitindo que enquanto circulamos pela casa possamos continuar escutando sem precisar de outro produto para amplificar o som. Não satura mesmo em altos decibéis. Em decibéis mais baixos, entretanto, fica pouco audível devido à falta de uma boa configuração de software (e hardware apropriado) para obter melhores graves. Faz falta um equalizador.

Para finalizar, temos que levar em conta que contamos com a loja virtual Music Store da Blackberry, desenvolvida e mantida pela 7digital, que oferece mais de 13 milhões de músicas, a partir de US$ 0,79, podcasts divididos em 19 gêneros e videocast em HD.

Na Music Store podemos escolher entre as músicas indicadas pela loja, lançamentos, mais baixados e gêneros. Temos ainda um buscador para encontrar aquela música que não conseguimos parar de cantarolar.

Na loja podemos pré-visualizar os álbuns e escutar versões demonstrativas das músicas, assim como ver as capas e seu conteúdo.

Se você quer saber mais sobre este tablet, visite-nos em http://br.blackberry.com/playbook-tablet/