Uma boa foto precisa de cuidados

Uma boa foto precisa de cuidados

“Apesar da tecnologia, os melhores fotógrafos continuarão a fazer as melhores fotos.” A frase é do norte-americano Neil Leifer, um dos mais importantes fotógrafos de esportes de todos os tempos. Hoje com 65 anos, foi ele quem, pela primeira vez na história, colocou uma câmera na cesta de basquete dos jogos da NBA. E lá se vão 40 anos.

Que câmera? Não importa. O valor deste exemplo está na idéia, na tentativa de trazer para seus leitores ângulos nunca antes vistos.

É dele uma foto do lutador Mohamed Ali visto de cima, com os braços levantados e o oponente caído. A cena é considerada a foto de esportes do século. Mais uma vez o cara quebrou todos os paradigmas da fotografia da época.

Com que câmera? Mais uma vez, não importa. Valeu a idéia, a percepção, a vontade de mostrar ao mundo sua própria visão das coisas. Mas é claro que ele deveria ter uma boa câmera, confiável, deveria revelar bem seus negativos, arquivá-los corretamente, enfim, cuidar do seu dia-a-dia como fotógrafo.

Os tempos de Neil Leifer já se foram e hoje temos uma fotografia totalmente renovada no que diz respeito a tecnologia. Especialmente no foto-jornalismo. Não se fala mais em filmes, em químicos etc. Falamos agora em arquivos digitais, em bits, em teras. Talvez o maior deles seja: onde e como guardar seu acervo digital? Qual mídia escolher? Quanto tempo ela dura? Aqueles meus CDs velhos (cinco anos)... até quando conseguirei abri-los e recuperar minhas imagens?

Não temos todas as respostas, mas aí vão algumas dicas simples sobre equipamentos e o dia-a-dia de um fotógrafo:

1-Cuide de seu equipamento. As câmeras digitais ainda são mais frágeis do que suas antepassadas.

2-Atualize seus softwares de edição, mas não se estresse com tanta novidade. É praticamente impossível acompanhar todas as mudanças e novidades do mercado

3-Sempre produza suas fotografias na máxima resolução que sua câmera oferecer. Nunca se sabe o dia em que uma grande foto vai acontecer na sua frente

4-Seja gentil com seus cartões de memória. Siga corretamente os manuais de uso. Uma dica básica: nunca tire o cartão da câmera sem antes desligá-la.

5-Formate seu cartão na câmera e não no computador.

6-Domine os recursos do seu equipamento. Leia o manual, mas não faça só o que ele manda, é muito chato.

7-Quando for comprar uma câmera digital, não se iluda com os fabricantes desconhecidos, que oferecem muita resolução e preço baixo. A qualidade é quase sempre duvidosa e geralmente pior do que uma marca conhecida e com menos pixels. As marcas mais conceituadas investem em pesquisa. Nada é de graça.

8-Não basta fotografar qualquer coisa, é preciso ter cultura, ter curiosidade pelos seus temas. Conhecer o assunto que se quer fotografar é meio caminho para produzir imagens que digam alguma coisa.

9-Fotografia é autobiográfica. Você fotografa o que você é!

10-Fuja dos clichês baratos. Pôr do Sol, coqueiro na praia, sei lá... ninguém quer ver isso.

11-Preste mais atenção nas criticas do que nos elogios.

12-Compre livros de fotografia e vá a exposições.

13-Faça backup das imagens, SEMPRE!!!

Fotógrafo profissional desde 1989, Pisco del Gaiso trabalhou em veículos como jornal Hardcore, revista Trip, Folha de S. Paulo, Placar e na Editora Abril. Fundou junto com outros três fotógrafos o portal e a agência Fotosite, em janeiro de 2000.